Studio na “Jornada Latino-Americana de Direito e Meio Ambiente: desafios para a conservação e uso sustentável da biodiversidade”

 por Patrícia Précoma

O Studio Cidades e Biodiversidade foi representado pela pesquisadora Patrícia Précoma Pellanda na “Jornada Latino-Americana de Direito e Meio Ambiente: desafios para a conservação e uso sustentável da biodiversidade”, realizado na cidade de Florianópolis/SC, em 22 e 23 de novembro de 2012.

O evento foi organizado pelo Grupo de Pesquisa Direito Ambiental na Sociedade de Risco – GPDA, do Centro de Ciências Jurídicas da Universidade Federal de Santa Catarina, do qual a pesquisadora do Studio também é membro. A Jornada é fruto do projeto “Perspectivas e desafios para a proteção da biodiversidade no Brasil e na Costa Rica”, financiado pelo CNPq (Brasil) e pelo CONICIT (Costa Rica).

A pesquisadora do Studio participou como Debatedora no Painel: Biodiversidade, Patrimônio Genético e Biossegurança, oportunidade em que pode levantar alguns questionamentos aos palestrantes e ouvir o posicionamento de importantes professores e pesquisadores, enriquecendo o debate sobre esta importante temática.

Além de outras questões, muito se debateu quanto à desvalorização da biodiversidade brasileira voltada à alimentação humana. Segundo Miguel Pedro Guerra, das 300.000 espécies que compõem a nossa biodiversidade, ao menos 30.000 poderiam ser usadas para o consumo humano. Entretanto, a alimentação brasileira é pouco diversa, pois, baseia-se, especialmente, no consumo de soja e milho. Outra importante questão debatida foi a escassez de pesquisas e discussões a respeito do desperdício de alimentos no Brasil, sendo que prevalece nos debates a dificuldade do aumento da produção de alimentos em equilíbrio com o meio ambiente, sendo que sabe-se que a produção de alimentos hoje é suficiente, porém, sua distribuição é desigual e muitos alimentos são desperdiçados.

O evento contou com a presença de grandes nomes como: José Rubens Morato Leite, Carlos Peralta, Antônio Carlos Wolkmer, Rogério Portanova, Rafael González Ballar, Carlos Teodoro Irigaray, Ana Maria Nusdeo, Branca Martins da Cruz, José Augusto Delgado, Andréas Joachim Krell, Miguel Pedro Guerra, dentre outros.

Por fim, a pesquisadora apresentou trabalho científico escrito em parceria com a Coordenadora do Studio Cidades e Biodiversidade, Profa. Dra. Tatiana Gadda: “O Local Biodiversity Strategies and Actions Plans (LBSAP) como potencial instrumento para cidades sustentáveis”, ressaltando a importância de instrumentos como o LBSAP na gestão pública e conservação da biodiversidade local, bem como o papel dos Studios e das universidades para a produção destes instrumentos. Além dos resultados do trabalho desenvolvido pelo Studio Cidades e Biodiversidade neste primeiro ano de sua criação.

Debate                                            Painel IV

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s