O Studio

Studio Cidades e Biodiversidade

por Tatiana Gadda, coordenadora do projeto

 

Respondendo ao convite da UNU-IAS, o Projeto “STUDIO – Cidades e Biodiversidade” começou a ser rodado este ano na UTFPR para a realização de um plano de ação denominado “Local Biodiversity Strategies and Action Plans” (projeto piloto para Curitiba).  O Studio simula ser o governo local pensando como melhorar suas ações de conservação da biodiversidade a partir de informações colhidas e analisadas sobre o status da biodiversidade e serviços ecossistêmicos relevantes para a cidade de Curitiba. Contando apenas com integrantes voluntários, o Studio reúne alunos, professores e pesquisadores da UTFPR, UFPR, IFPR e Faculdades Integradas Espírita além de egressos da UTFPR e pesquisadores afiliados ao Studio.

A experiência, apesar de recente, tem motivado interações entre muitos jovens estudantes e pesquisadores de diferentes áreas de estudo e níveis. Desta forma ele é tanto multidisciplinar e multi-institucional, como vertical, o que tem enriquecido a experiência educacional e auxiliado no direcionamento do seu objetivo final para meados de 2012, que é um documento sobre o status da biodiversidade na cidade de Curitiba e proposições para sua conservação. Este documento será levado a COP 11 na Índia, em Outubro/2012 pela UNU-IAS.  Ao mesmo tempo a continuidade do Studio para 2013 já está sendo prospectada através da formação de novos grupos de pesquisa.

O Studio se divide inicialmente em 9 eixos:  Biodiversidade e Ecologia; Governança e Gestão; Urbanização e Geografia; Desenvolvimento Social; Economia Urbana e Economia Industrial; Produção e Consumo; Ecologia Industrial, Legislação e Letras Português /Inglês. Cada eixo tem pelo menos um professor orientador.  O inicial desenho do Studio dividido nestas áreas de estudo, contudo, não tem a intenção de permanecer. Já nas primeiras semanas do Studio os integrantes começam a sentir necessidade de diálogo entre grupos e, um pouco mais tarde, até de fusão com outros grupos, promovendo naturalmente a interdisciplinaridade.

Cada eixo temático recebe voluntariamente estudantes que cursam disciplinas relacionadas aos eixos temáticos ou não. O Studio tem estudante de arquitetura no eixo temático Economia Urbana e Industrial assim como tem estudante de química no eixo de Desenvolvimento Social.  Neste sentido o Studio Cidades e Biodiversidade ajuda a promover a formação global do estudante com objetivos muito similares ao Programa Especial de Treinamento – PET da CAPES .

Studios são ferramentas de aprendizado raramente utilizados no Brasil, mas com ampla adoção no exterior. O Studio Cidades e Biodiversidade é uma experiência pioneira na UTFPR e tem se mostrado uma ferramenta importante para o estudo de temas complexos e com necessidade de imersão como o tema da biodiversidade. No Studio o estudante deixa de ser fundamentalmente receptor de conhecimento para se tornar ator na formação deste conhecimento.  Desta forma, o estudante é corresponsável pelas tarefas do Studio ao mesmo tempo que é fomentado seu senso de pertencimento e participação dentro do processo de aprendizado do Studio.

O Studio Cidade e Biodiversidade tem proporcionado um frutífero ambiente para o ensino, pesquisa e extensão. Enquanto que semanalmente os integrantes são alimentados com palestras selecionadas sobre o tema da Biodiversidade em horários definidos e pré-agendados, os grupos se reúnem dentro de sua conveniência para irem construindo um documento com foco em cada eixo temático. Estes documentos são investigações criteriosas com potencial para se transformarem em publicações. Além disso, o Studio Cidades e Biodiversidade – Curitiba começa agora a trocar experiências com outros Studios (outros 7) que estão sendo rodados simultaneamente em outros locais do globo.

Visando ainda a formação de um estudante mais bem preparado para o mundo, o Studio incentiva um ambiente bilíngue (português e inglês) onde além da redação do documento final na língua inglesa, os estudantes podem fazer suas apresentações em inglês em seminários e manter sempre que quiserem o diálogo na língua inglesa.

O Studio Cidades e Biodiversidade pretende ser um articulador de inúmeras ações que produzam eco durante a Década da Biodiversidade da ONU (2011-2020).

 

Histórico

O Studio surgiu através de um convite da UNU-IAS para a Prof. Dr. Tatiana Gadda (atualmente no DACOC –UTFPR) que foi de 2006 a 2008 “JSPS post-doctoral fellow” e “Senior Programme Administrator” do programa urbano da UNU-IAS. O convite para que a UTFPR participasse do processo de teste de um guia para auxiliar governos sub-nacionais a desenvolverem seus planos de ação para a preservação da biodiversidade foi aceito pela UTFPR tendo apoio tanto da Diretoria do Campus Curitiba da UTFPR como de sua Reitoria. Esta iniciativa veio de encontro a decisão em Aichi-2010, Japão, onde 192 governos nacionais e a União Européia endossaram o  Plano de Ação para Biodiversidade para Governos Subnacionais, cidades e outras autoridades locais em um claro reconhecimento da importância de governos locais atuarem na implementação da Convenção sobre Diversidade Biológica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s